Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 18 de março de 2012

Dentes







Dentes



A revestir a coroa existe o esmalte que é contituído por fluor e cálcio, e é a parte mais dura do corpo humano


A polpa dentária é a parte que dá vida ao dente


O orifício onde os dentes se encontram chamam-se alvéolo dentário


Cimento liga a raíz ao alvéolo dentário

Glândulas Salivares



Existem três pares de glândulas salivares:


- umas proximas dos ouvidos de nome parótidas


- outras são as submaxilares, porque se encontram no maxilar inferior na base da língua na parte posterior


- e existem as sublinguais, que se encontram debaixo da língua na parte anterios


Têm a forma de sacos


Produzem a saliva

Intestino grosso, recto e ânus

Intestino grosso


Forma de um tubo


Tem de comprimento um metro e meio e cinco centímtros de diâmetro


Localiza-se em toda a cavidade abdominal


Tem paredes musculadas


É constítuido por quatro cólons: o ascendente, transverso, descendente e sigmóide. A ligação entre o intestino delgado e o grosso tem de nome válvula íleo-cecal



Recto


Extenção do intestino grosso


Tem de 10 a 12 centímetros


Tem paredes musculadas


Localiza-se na cavidade abdominal na parte inferior posterior, limitado superiormente pelo cólon sigmóide e inferiormente pelo ânus



Ânus


Tem dois esfíncteres anais


Orifício é o ânus


É limitado superiormente pelo recto


Localiza-se na cavidade abdominal inferior posterior

Intestino Delgado







Tem cerca de sete metros e meio de comprimento e dois centímetros e meio de diâmetro





Forma de um tubo





Localiza-se em toda a cavidade abdominal, limitado superiormente pelo estômago e inferiormente pelo intestino grosso









No intestino delgado existem umas válvulas de nome coniventes, que aumentam a superfície de absorção e digestão. Estas estão revestidas por uma vilosidade intestinal, que são estruturas especializadas na absorção. estas vilosidades têm apenas uma camada de células, e no seu interior têm capilares sanguíneo (absorvem aminoácidos, monosscarídeos, vitaminas hidrossoluveis, água e sais minerais ) e um canal quilífero linfático (absorve ácidos gordos, glicerol e vitaminas lipossoluveis). No meio destas vilosidades existem as glândulas intestinais, que segregam o suco intestinal.



Nota: a parte superior do intestino delgado, quando ainda é um tubo horizontal e não esta "dobrado" tem o nome de duodeno (25cm), a parte "dobrada" chama-se jejuno-íleo (7,25m)

Estômago



Forma: saco, quando esta cheio tem a forma de um J


Localização: parte abdominal, superior central, inclinado para o lado direito, limitado superiormente pelo esófago e inferiormente pelo intestino delgado


Constituição: paredes muito musculadas, os alimentos ficam dentro do estômago durante 3 horas. Tem dois músculos circulares, o superior tem de nome esfínceter cárdico, e o seu orifício cárdia, o inferior tem de nome esfíncter pilórico e o orifício de pilóro. Nas paredes do estômago existem umas mucosas que segregam um muco que as protege, é o suco grástico.

sábado, 17 de março de 2012

Esofago

Forma de um tubo
Localiza-se na cavidade torácica central, limitado superiormente pela faringe e inferiormente pelo estômago

É constituído por paredes musculadas, pois contraem e dilatam para empurrar o bolo alimentar formado na boca. Estes movimentos têm o nome de peristálticos

Faringe

Forma: orifício

Localização: cabeça, está limitada superiormente pela boca e inferiormente pelo esófago




Faz a transição entre dois aparelhos, o digestivo e o respiratório, através da epiglote





Boca


Forma: orifício
Localização: cabeça, parte frontal, central inferior

Constituição: parte anterior- lábios

" lateral- bochechas

" inferior- língua, maxilar inferior

" superior- maxilar superior e abóbada palatina

" posterior- véu do paladar

Sistema Digestivo

Ingestão: é o acto de colocar alimentos na boa

Digestão: é um conjunto de processos físicos e químicos que levam a separação de macro moléculas em micro moléculas de forma a puderem ser absorvidas

Processos físicos: movimentos e gravidade
Processos químicos: substâncias químicas para atacar os nutrientes
O processo físico é para repartir as substâncias, e o processo químico para os atacar

Absorção: passagem das micro moléculas para o meio interno (sangue e linfa)

Defecação: acto de eliminar as substâncias tóxicas ou não digeridas através do ânus


O Sistema Digestivo é constituído por:
-Tubo digestivo(boca, faringe, esófago, estômago, intestino delgado, intestino grosso, reto e ânus)
- Órgãos anexos (dentes, língua, glândulas salivares, fígado e pâncreas)

Roda dos alimentos


Cereais, derivados e tubérculos: 4 a 11 porções (28%) glúcidos
Hortícolas: 3 a 5 porções (23%) sais minerais e fibras
Fruta: 3 a 5 porções (20%) vitaminas
Lacticínios: 2 a 3 porções (18%) prótidos e cálcio
Carnes, pescado e ovos: 1,5 a 4,5 porções (5%) prótidos
Leguminosas: 1 a 2 porções (4%) Fibra
Gorduras e óleos: 1 a 3 porções (2%) lípidos
Nota: em todos os sectores existe água

Energia Total Diária

Leis Alimentares

Lei da Quantidade: devemos ingerir nutrientes na quantidade necessária para suprir as nossas necessidades

Lei da Qualidade: devemos ingerir uma grande diversidade de alimentos

Lei da adequação: Devemos ingerir alimentos adequados à nossa idade, sexo, tipo de actividade física e estado de saúde

Lei da harmonia: Devemos ingerir alimentos em quantidades suficientes, variando o tipo de alimento, adequado à nossa idade, sexo, actividade física e estado de saúde, e ainda de acordo com a propagação existente na roda de alimentos

Estas leis ditam as regras da roda dos alimentos

Caloria

Caloria é a quantidade de energia que é preciso fornecer a 1 litro de água para que ela aumente 1 grau centigrado



Vitaminas Lipossolúveis

Vitaminas Hidrossolúveis